Imagens de Alfama

Primeiro Sinal e Regra de Transito



A placa pode ver-se na parede do prédio na Rua do Salvador.
Diz o seguinte:“ANO DE 1686. SUA MAJESTADA ORDENA QUE OS COCHES, SEGES E LITEIRAS, QUE VIEREM DA PORTARIA DE SÃO SALVADOR, RECUEM PARA A MESMA PARTE”.
Quem reinava era D.Pedro II que ordenou que os juízes prendessem todos quantos “disputassem sobre avanço ou recuo de carruagens”. Até essa altura, e sempre que era reclamado o direito de passagem em zonas estreitas, com os coches e liteiras frente a frente, eram frequentes as richas e cenas de pancadaria entre lacaios, nas quais intervinham também os amos. Não raras vezes o conflito alastrava a todo o bairro. Por tudo isto, D.Pedro II fixou as regras para o primeiro “Código de Estrada” da época. A placa em questão representa, assim, a primeira sinalização do trânsito em Lisboa. Em ladeiras recuava quem subia. É exemplar único. Outras houve, similares, na Calçada de S.Vicente, S.Tomé, Largo de Sta Luzia, etc.
PARA FAZER CUMPRIR ESTA LEI, O REI PROIBIU AOS COCHEIROS, LACAIOS E LITEIREIROS O USO DE ADAGAS, BORDÕES OU QUAISQUER OUTRAS ARMAS. ALÉM DISSO, OS PREVARICADORES ERAM CASTIGADOS COM CINCO ANOS DE DEGREDO NA BAÍA, PERNAMBUCO OU RIO DE JANEIRO E DOIS MIL CRUZADOS DE MULTA!!!
Nem assim a situação melhorou!!! Havia que alargar as ruas, mas para isso não havia dinheiro. O terramoto (chamaram-lhe o “civilizador à bruta”) estava aí a chegar…

Sem comentários:

Acerca de mim