Imagens de Alfama

Festas de Lisboa em Alfama

As festas de Lisboa também passam por alfama:
Para alem do arraial de 1 a 30 de Junho, em todo o bairro, mais concretamente:
No Largo de S. Miguel, Escadinhas de S. Miguel, Largo de S. Rafael, Rua da Adiça e Becos adjacentes
temos igualmente
FESTA DO FADO
Castelo de S. Jorge concertos 5, 6, 13, 19, 20, 26 e 27 de Junho 22h00
Museu do Fado concertos 11, 18 e 25 de Junho 19h00
Museu do Fado exposição temporária AS MÃOS QUE TRAGO a partir de 5 Junho
A Festa do Fado tem-se afirmado como um dos mais representativos projectos do Programa das Festas de Lisboa, criando raízes e uma regularidade que tem possibilitado uma adesão crescente de público nacional e estrangeiro.
À semelhança das edições anteriores, a Festa do Fado lança novos desafios aos vários artistas participantes para a criação de espectáculos que estabeleçam uma parceria entre o Fado e outros
géneros musicais.
Em 2009, a 6ª edição da Festa do Fado, além dos concertos habituais apresentados na Praça de Armas do Castelo de S. Jorge, estende o seu programa ao Museu do Fado com a apresentação de três concertos musicais onde a guitarra portuguesa é a anfitriã de outras sonoridades.
No arranque da Festa, o Museu do Fado inaugura uma exposição temporária evocativa do vastíssimo legado de Alain Oulman no universo do Fado nomeadamente através da influência decisiva que suscitou no percurso artístico de Amália Rodrigues, consubstanciando, a partir da década de 60, a fusão da poesia erudita com a canção urbana de Lisboa.
Trazer o fado a um outro público, menos habitual a estas lides, mas também rasgar horizontes ao público tradicional do fado, apresentando projectos alternativos e emergentes do universo musical fadista, são os objectivos da Festa do Fado.
Projecto desenvolvido em parceria com a H.M. Musica

MUSEU DO FADO
Entrada: bilhete normal de acesso ao museu 3€ bilhetes à venda na bilheteira do Museu do Fado
m/ 3 anos
AS MÃOS QUE TRAGO exposição temporária homenagem a Alain Oulman 4 Junho Inauguração
PÔR-DO-FADO concertos instrumentais de final de tarde, onde a guitarra portuguesa é a anfitriã de outras sonoridades 11, 18 e 25 Junho 19h00
11 Junho Ricardo Parreira (Guitarra Portuguesa) & António Teles (Quiné) (Percussão)
18 Junho Luís Guerreiro (Guitarra Portuguesa) & Pedro Jóia (Guitarra Clássica)
25 Junho Paulo Soares (Guitarra Portuguesa) & Carlos Alberto Augusto (Vibrafone)



VISITAS CANTADAS
Museu do Fado
Até 30 Junho, sábados e domingos 16h30
Marcação prévia Entrada: bilhete de acesso ao museu 3€ bilhetes à venda na bilheteira do Museu do Fado
m/ 3 anos
Visitas animadas ao circuito museológico com a actuação de um intérprete de fado, aos sábados e
domingos de Maio e Junho, pelas 16h30, mediante marcação prévia.



ESPONTÂNEOS DO FADO
Museu do Fado, dias 18 Maio e 15 Junho
m/ 3 anos
No âmbito das comemorações do Dia Internacional de Museus, a 18 de Maio, o Museu do Fado inaugura o ciclo Espontâneos do Fado. Coordenado por João Gil, este projecto, de periodicidade mensal, constituirá um desafio a diversas personalidades, oriundas das mais distintas áreas para que, em ambiente de tertúlia, por uma noite, interpretem os fados da sua eleição.
18 Maio Dia Internacional dos Museus Café do Museu do Fado 22h00
LUÍS REPRESAS
15 Junho Café do Museu do Fado 22h00
SANDRA BARATA BELO

1 comentário:

Anónimo disse...

qual horário do arraial de hoje (26jun.) em são miguel-alfama?

Acerca de mim