Imagens de Alfama

Igreja de Nossa Senhora dos Rémédios ou do Espirito Santo



A Ermida de Nossa Senhora dos Remédios, na Rua dos Remédios em Alfama, tem a sua história ligada aos pescadores de Alfama e ao culto do Espírito Santo. Construída no século XVI, por volta de 1517, a Ermida de Nossa Senhora dos Remédios foi sede de uma das mais ricas confrarias de Lisboa, sobretudo a partir da segunda metade do século XVII, quando a primitiva confraria de Nossa Senhora dos Remédios se fundiu com a irmandade do Espírito Santo, até então instalada na Igreja de São Miguel de Alfama. A ermida terá saído remodelada no reinado de D. João V e restaurada na sequência do terramoto de 1755. A porta da fachada lateral indica que aquela entrada terá sido, provavelmente, aberta nessa altura, sendo também indicadora das obras de reedificação. A fachada principal, sobre a Rua dos Remédios, é limitada por dois espessos cunhais em cantaria, de maior largura na base. Em leitura ascendente, o eixo central é composto por portal Manuelino definido pela intersecção de arco trilobado com arco em cortina (no lóbulo central do primeiro encontra-se a pomba do Espírito Santo, lavrada sobre escudo); janelão gradeado, com moldura em cantaria de gramática decorativa setecentista e janela de peito de moldura curva no topo superior, forma que a caixilharia em madeira acompanha. No interior destacam-se os azulejos historiados (Séc. XVII-XVIII) e as pinturas (Séc. XVI), atribuídas à escola e a Gregório Lopes. Na fotografia seguinte, apresentamos uma porta instalada no primeiro piso nas traseiras do edifício utilizado para distribuir alimentos aos pobres.

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim