Imagens de Alfama

Largo do Chafariz de Dentro




O Largo do Chafariz de dentro foi construído no SEC. XIII, junto à praia. Foi durante muitos séculos o Rossio do arrabalde ocidental de Lisboa conhecido como Alfama.

O Largo tem este nome por se encontrar dentro da muralha Fernandina e existir outro chafariz que ficava do lado de fora da muralha, conhecido por chafariz da Praia. Tal pode ver-se através da diferença de calçado que está no largo do chafariz de dentro que para quem observar repara que existe uma diferença entre a calçada normal e umas pedras que mostra o local onde estava a muralha. Tal colocação de pedras difrentes foi uma situação recente depois de se descobrir que existia resquicios da muralha nesse local.

Por outro lado, existe um prédio, vejam a fotografia seguinte:
As escadas para o prédio são por detrás e conforme se nota pelo telhado são de seguida. Acresce que foram feitas fora do prédio.

Isto demonstra que se aproveitou as escadas que davam acesso à muralha, para um prédio quando a mesma deixou de ter utilidade e foi mandada a baixo.

O Chafariz chamava-se de dentro pois existia junto ao actual museu do fado outro chafariz, fora da muralha, denominado Chafariz da Praia. Conforme imagem que junto

O chafariz também foi e é chamado de tanque do cavalos. Tal existe por duas razões, devido ao tanque que tem no meio para dar de bebida aos animais. Na grande maioria cavalos, mulas e vacas e porque, quando foi feito, as bicas de agua tinhas cabeças de cavalos em bronze.
Alfama, do árabe Al-hama, teve durante muito séculos muitas fontes, tanto mais que quando se instalou a estação elevatória era para recolher a água das fontes que existiam, e ainda existem (apesar de estarem fechadas), em Alfama.

2 comentários:

Augusto Faria disse...

Passei no site para tentar recolher uma narrativa relativa ao Chafariz de Dentro, a fim de documentar fotografias, ( sou fotógrafo amador ), nunca pensei encontrar tanta documentação, fico sensibilizado, pois como natural desse bairro, ainda me recordo bem do tanque cheio para os cavalos beberem, nomeadamente os do Zé Grande, esse tanque a que realmente chamava-mos de "Tanque dos Cavalos", servia de piscina no verão, para os "gaiatos" tomarem banho brincarem e refrescarem-se da canícula, eu tomei muitas vezes banho lá.

Augusto Faria disse...

Passei no site para tentar recolher uma narrativa relativa ao Chafariz de Dentro, a fim de documentar fotografias, ( sou fotógrafo amador ), nunca pensei encontrar tanta documentação, fico sensibilizado, pois como natural desse bairro, ainda me recordo bem do tanque cheio para os cavalos beberem, nomeadamente os do Zé Grande, esse tanque a que realmente chamava-mos de "Tanque dos Cavalos", servia de piscina no verão, para os "gaiatos" tomarem banho brincarem e refrescarem-se da canícula, eu tomei muitas vezes banho lá.

Arquivo do blogue

Acerca de mim