Imagens de Alfama

Eleições autarquicas

As eleições são algo espectacular.


O bairro como o de alfama onde ao longo de quatro anos raramente aparece um politico. No entanto, basta que exista um eleição e logo nem precisamos de os procurar eles aparecem e todos nos vêm cumprimentar.

Será tão difícil que pelo menos duas vezes por ano os políticos autárquicos possam-se dirigir aos Bairros da cidade?

A cidade tem 55 freguesias e muito menos bairros. Alfama e Castelo abrange 6 freguesias, a Baixa e o Chiado outras 6. Num dia podiam fazer 12 freguesias e ver o que o povo tem a dizer e ver as coisas em concreto. Saber de pequenos pormenores que só nos locais podemos ter conhecimento.

Estou durante poucas horas por dia em Alfama e já consegui ser cumprimentado por 9 dos 12 candidatos à Câmara Municipal de Lisboa. E nem foi preciso ir ter com eles. Eles vieram ter comigo.

No entanto, depois das eleições se pretender ter uma reunião com eles, será assim tão fácil?

Talvez por isso a população esteja tão desiludida com os políticos. Deste modo, como hajam, dá a impressão que só nos procuram pelos votos e não para fazerem um serviço em favor da sociedade (polis - origem da palavra politico).

Bem dizia Sir Winston Churchill quando referia que "A democracia é o pior dos sistemas políticos, excluindo todos os outros". Enquanto não encontrarmos outro sistema melhor não estraguem mais a democracia.

2 comentários:

drcursor disse...

Dai que uma das melhores formas de estar em contacto com a população é fazer parte dela mesma, é estar no dia a dia com as pessoas e ouvir e participar nas milhentas coisinhas do dia-a-dia...

http://blog.ebserver.org

Tiago R. disse...

Não é verdade que os "políticos" só venham cá ao bairro de 4 em 4 anos. Há outros "políticos" que estão cá todos os dias, ao lado da população, tentando resolver problemas, informar as pessoas.
Se dúvidas houvesse sobre quem falo, relembro que os vereadores da CDU estiveram em Alfama pelo menos 3 vezes entre 2005 e 2007, que a CDU aprovou em Câmara e Assembleia Municipal moções relativas ao bairro, nomeadamente à reabilitação urbana. E, ainda, que os eleitos locais da CDU estiveram na rua com campanhas sobre questões locais e nacionais, informando a população e ouvindo os seus problemas.
Esta conversa dos "políticos são todos iguais" nunca é inocente porque assente numa deliberada ocultação de factos. Cuidado.
"Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara" (livro dos conselhos)

Arquivo do blogue

Acerca de mim